No Dia do Líder Comunitário, Prefeitura destaca papel fundamental dessas pessoas na administração da cidade – CGNotícias

maio 5, 2024 0 Por Reis. Hugo

Pavimentação asfáltica, unidades de saúde, academias ao ar livre, cursos de capacitação e iluminação em campos de futebol são muitas conquistas que viraram realidade em Campo Grande graças ao papel relevante das lideranças comunitárias, presidentes de Associações de Moradores, Clubes de Mães e Conselhos, que levam os pedidos ao Executivo. Neste domingo, dia 5 de maio, é comemorado o Dia Nacional do Líder Comunitário e essa ponte entre os moradores das comunidades e a Prefeitura de Campo Grande é fundamental.

“O líder comunitário é quase como um vereador do bairro, porém com um trabalho voluntário e visando o bem-estar da comunidade. A gente que realiza esse trabalho se depara com todas as solicitações possíveis. Somos cobrados até por uma lâmpada queimada na rua e vamos até as autoridades competentes, seja secretaria, prefeitura, Câmara e levamos essa demanda”, destaca o presidente do Bairro José Abrão, Alex Lourenço.

Alex cita que as conquistas foram muitas, entre elas, a mais recente, a academia ao ar livre. “Tivemos a inauguração da nova academia ao ar livre, a iluminação do campo de futebol com todas as lâmpadas de LED. E, além disso, promovemos muito esporte e lazer por meio da Funesp, que disponibiliza professores que levam atividade física até nós. Temos também 250 crianças atendidas com escolinha de futebol de graça. Tudo isso, por meio de parceria com o poder Executivo. Esporte é vida e a criança no esporte se desenvolve e vai bem na escola”.

Juntas e unidas pelo propósito de levar mais estrutura para o Residencial Nelson Trad, a presidente da Associação de Moradores, Rosana Lobo e a vice-presidente, Sebastiana Paz, destacam que com um olhar mais humano tudo é possível. Rosana cita que o intuito do líder comunitário é servir. No Residencial existem 1.462 famílias.

“As lideranças são importantes para toda a sociedade e somam força aos moradores, para conquistar mais benefícios para o bairro. Como mulheres líderes, temos de enxergar nossa força, pois sabemos bem o que cada mãe, cada família e o que cada filho precisa”, diz Rosana.

Sebastiana Paz corrobora e afirma que toda a comunidade deve estar envolvida num mesmo objetivo. “Cada um tem um sonho diferente e podemos juntar todos os sonhos para trazer a melhoria para o bairro. Todo mundo precisa de todo mundo, todo morador, todo vizinho, é uma grande família no fim”.

Residente do Bairro Coophatrabalho há 44 anos, Osvaldo Willian da Silva, conhecido como Willian do Imbirussu, presidente da Associação de Moradores, espera que as novas gerações deem continuidade ao trabalho de voluntariado e possam seguir lutando para trazer melhorias para a região. “Estamos há 12 anos à frente da Associação, levando as demandas ao Legislativo e ao Executivo. E para o trabalho voluntário, onde não é remunerado, a gente tem que ter amor por onde a gente mora, amor onde a gente nasceu e a vontade de deixar um legado. E isso vem através do retorno desses pedidos que fazemos às autoridades. Esse é um dom que Deus dá. Então, esses jovens que já estão cientes desse dom e que têm vontade e vocação devem buscar essa identidade no bairro e começar a trabalhar para deixar também uma história no lugar onde reside”.

O casal Rubens Honório Alcântara e Francisca Maria de Melo são lideranças do Bairro Dom Antônio e juntos auxiliam os moradores através de demandas, ações sociais e encaminhamentos. Unidos no amor e na vocação, ambos fazem trabalhos na região. Rubens, conhecido como “Rubinho”, é presidente do bairro e enfatiza que o saneamento básico com rede de esgoto conquistado nos dois últimos anos era uma solicitação antiga, mas que chegou em bom momento, refletindo diretamente na saúde da região.

“Conquistamos a unidade de saúde do Dom Antônio Barbosa, agora mais recente, a passarela elevada em frente à Escola Municipal Tomaz Ghirardelli, o campo iluminado e principalmente temos a rede de esgoto que trouxe qualidade de vida para todas as famílias da região. Então, temos a honra de levar as nossas reivindicações até o poder público e ficamos felizes em ser atendidos. Com saneamento básico, reduzimos casos de doenças e consequentemente há menos pessoas nas filas dos postos. Então, esse também é um investimento em saúde e que beneficiou milhares de pessoas”.

Já Francisca atua como presidente do Clube de Mães com trabalhos voltados para atenção às mulheres e ações de cunho social.

“Nós atendemos questões familiares, demandas de vagas em escolas, encaminhamentos ao CRAS e também fazemos doações de roupas para mulheres gestantes. Além disso, sempre que temos demanda de jovens procurando capacitação realizamos o encaminhamento para a Sejuv, que oferta bastante cursos. O trabalho é feito em conjunto e sempre traz bons resultados”.

Jafé Santos é liderança do Bairro Portal Caiobá. Para ele, uma das ações de destaque conquistadas por pedidos de moradores é o Programa Todos em Ação, que leva serviços da Prefeitura às periferias de Campo Grande. Jafé diz que fez pedidos para o Executivo realizar a ação no Caiobá e a população foi atendida no dia 2 de março.

“No Caiobá, aproximadamente 12 mil pessoas foram atendidas. E essa ação tão boa continua acontecendo pela cidade. Como liderança, eu digo que esse trabalho de trazer o Todos em Ação para os bairros é um pedido dos moradores que desejam esses serviços mais perto. Muitas pessoas não têm condições de sair de casa para ir a uma repartição pública, por isso o atendimento das secretarias e desses serviços sociais é de extrema importância.”

Além desses trabalhos, os presidentes de Associações de Moradores devem ficar atentos as situações de regularidades fiscais, CNPJ e estar com documentações em dia para não perder oportunidades de projetos e ações nos bairros. É o que diz o vice-presidente da União Municipal das Associações de Moradores (Umam), Passini Catharinelli.

“A Umam é uma entidade onde as associações de moradores são filiadas. Organizamos as eleições nos bairros, fazemos o processo de ata, legalização em cartório, e tudo que seja burocrático. A Umam atua auxiliando as associações a se regularizarem, emitirem o CNPJ para que possam trazer os benefícios ao bairro. Até porque se estiver irregular, o líder não consegue fazer nada”.

Passini cita que foi presidente do Bairro Monte Castelo por três vezes e que houve várias conquistas ao longo dos anos. “Peguei a associação sem documentação e tive muito trabalho para regularizar, mas fomos fazendo os pedidos. Chegou o asfalto, e todas as outras benfeitorias. Hoje temos unidade de saúde, Centro de Idoso e o lugar está com outra cara”.

Apoio jurídico e contábil

A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Subsecretaria Municipal de Articulação Social e Assuntos Comunitários (Suasc) apoia as lideranças comunitárias da Capital ofertando assessoria contábil, jurídica e orientações para elaboração de projetos sociais junto as associações de moradores. O objetivo principal é atuar no fomento e articulação dos movimentos comunitários em todas as regiões da cidade.

Criada em fevereiro de 2021, a Suasc, localizada no espaço do Condomínio Marrakesh, possui salas de aulas, auditório de capacitação e salas de reuniões preparadas para uso das lideranças de bairros da cidade.

Importante salientar que o Programa de Capacitação de Lideranças Comunitárias (Prolic) qualificou 260 lideranças comunitárias desde a criação da Suasc. Somente neste mês de maio, 50 lideranças devem receber o conhecimento. Também houve 194 orientações contábeis, 342 orientações jurídicas e 199 orientações a projetos. Além disso, houve dois mutirões, o primeiro atendeu 200 lideranças e segundo realizou atendimento para 500 lideranças.

Sabendo da necessidade da população obter qualificação para entrar no mercado de trabalho ou empreender, a pasta também atendeu um pedido das lideranças comunitárias para realizar cursos a população. O total de 3.425 pessoas já passaram por alguma qualificação da Suasc. Somente esse ano, foram 680 pessoas, sendo que no mês de março o curso de ovos de Páscoa Gourmet foi o mais procurado.

Criado no ano passado, o Café com Conselheiros aproxima as lideranças dos secretários para agilidade das demandas

Sobre a data, a prefeita Adriane Lopes afirma que o Executivo está atento para conhecer a realidade de todos os lugares, cada rua e cada bairro e que as lideranças comunitárias são fundamentais neste processo. “A Prefeitura está atenta e ouvindo a demanda das lideranças comunitárias, que são o caminho mais curto, para que a demanda do bairro, dos moradores, chegue até o poder público. Por sua vez, o Executivo vem trabalho com responsabilidade, planejamento e com muito cuidado para que as soluções cheguem o mais rápido possível aos bairros. Feliz Dia do Líder Comunitário a todos esses cidadãos que fazem a diferença na sociedade”.

 

 

#pratodosverem A matéria possui dez fotos. A imagem de capa mostra diversas mãos unidas. A primeira foto interna é de Alex. A segunda foto mostra Rosana sendo entrevistada. A terceira foto mostra Sebastiana e Rosana sentadas em um banco. A quarta foto é de Osvaldo. A quinta foto é da família de Rubens e Francisca com o netinho. A próxima foto mostra Rubens e a outra é de Francisca. A foto seguinte é de Jafé e a última de Passini.